23 ago

Encarar o vestibular não é uma tarefa fácil para os estudantes, mas o processo pode ser turbulento tanto para alunos quanto para pais e mães que os acompanham.

Sentimentos como estresse e ansiedade acabam fazendo parte da rotina dos estudantes e do dia a dia dos familiares que convivem com o vestibulando.

Muitos podem acreditar que os pais tem como principais atribuições garantir e custear boas condições materiais e serviços educacionais de qualidade aos filhos, mas a realidade é que o papel deles não se limita a isso.

Para amenizar os efeitos negativos de uma fase tão delicada e importante na vida de todo jovem que está prestes a chegar na vida adulta e a iniciar uma carreira acadêmica e profissional, é preciso que algumas atitudes sejam tomadas dentro de casa também.

Confira 4 atitudes que podem ajudar durante o preparo para a maratona de vestibulares:

Esteja disposto a escutar

Procure entender o que está passando na cabeça do seu filho, quais os receios que ele tem com o momento em que está vivendo, quais as expectativas que ele tem em relação aos resultados e às escolhas acadêmicas que pretende fazer.

Dialogar é importante para estabelecer um ambiente acolhedor e fazer com que o estudante entenda que o que ele sente é importante, que ele não está sozinho e, sobretudo, que as escolhas e opiniões dele têm relevância e são importantes.

Forneça estímulos e não pressão

A família sempre é a primeira a desejar o melhor aos que convivem junto a ela, mas nem sempre o que é bom para um é o ideal para o outro, por isso é importante dar tempo ao vestibulando e às escolhas dele.

Alguns confundem pressão com estímulo, mas são coisas muito opostas. Estimular é encorajar o estudante a prosseguir e a acreditar em suas potencialidades e em si; enquanto pressionar é forçá-lo a fazer coisas que, provavelmente, são fruto de suas expectativas e não das expectativas que ele tem.

Nem tudo é sobre vestibular

Escola, cursinho, estudo em casa… a rotina de um estudante em ano de vestibular não é fácil. Por isso é preciso garantir momentos de lazer e descontração!

No planejamento semanal precisa ter espaço para diversão também. A idade em que o jovem está pede um pouco de reunião com os amigos, familiares e até momentos para ficar sozinho e praticar seus hobbies que lhe dão prazer e satisfação.

Aprenda a aceitar

Aceite as escolhas que seu filho tomar. É natural que os pais idealizem o futuro dos filhos, afinal, sempre querem o melhor; só que a realidade é que é necessário aceitar as escolhas que eles fazem ao longo da vida.

A época de vestibular é decisiva e alguns contratempos na família podem ocorrer por divergências relacionadas às vontades dos filhos e dos pais. O pai queria a filha engenheira, a mãe o filho médico… e pode ser que o filho e a filha queiram ser cientista e artista plástica, respectivamente. E, ainda assim, está tudo bem.

É necessário haver conversas sadias sobre essas questões, mas jamais imposições. As escolhas que são feitas antes do vestibular impactam diretamente, se não em todo, em boa parte do futuro dos que vão ingressar em uma universidade.

Garantir um ambiente positivo e acolhedor para os filhos dentro de casa é importante para que eles se sintam seguros para tomar decisões e realizar tarefas!

 

Deixe um comentário